13 de nov de 2018

Um ano depois do Nanodegree, como esses alunos aplicam o aprendizado?

Udacity Brasil

Anualmente, consumidores do mundo inteiro se preparam para as ações de Black Friday. Em 2017, pelo menos 3,7 milhões de brasileiros aproveitaram essa oportunidade e, na Udacity, as ofertas especiais atraíram muitos novos alunos aos programas Nanodegree.

Foram aquisições que tiveram grande impacto em seu cotidiano. Abaixo, três graduados que começaram sua jornada durante esse período falam sobre suas experiências e aprendizados em diferentes áreas de conhecimento.

Um mergulho no marketing digital

Entre os novos alunos estava Felipe Nyland, que já trabalhava com marketing digital e optou pelo Nanodegree Marketing Digital para aprofundar-se na área, visto que tinha se formado em engenharia elétrica e queria saber mais sobre ferramentas como Google Ads, Google Analytics e Facebook Ads.

"A oportunidade do custo-benefício proporcionada na Black Friday foi um fator decisivo para a tomada de decisão de um curso que eu já considerava há algum tempo", lembra ele, destacando a parceria do Nanodegree com o Google como ponto alto na hora de investir.

O fato do curso de 4 meses ser online, o que oferece flexibilidade para os estudos, também foi importante. "A possibilidade de fazer as aulas quando eu conseguisse no meio da minha rotina de trabalho bastante atribulada também foi fator decisivo na escolha."

Ele imediatamente conseguiu aplicar seus novos conhecimentos no dia a dia, inclusive na melhoria de processos para avaliar custos em mídias e aprimorar ações. Entre os principais aprendizados, Felipe destaca a avaliação e otimização de campanhas, os conceitos de investimentos relacionados ao estágio da jornada do consumidor e construção de relatórios.

"Consigo identificar de formar muito mais rápida campanhas que não estão desempenhando conforme o esperado e canais de venda que precisam ser desenvolvidos ou ser otimizados", afirma.

O know-how foi útil também na hora de conseguir seu emprego atual, como gerente de e-commerce e marketplace de uma grande empresa de varejo no Rio, onde começou em abril de 2018.

O processo seletivo aconteceu dois meses antes de Felipe concluir seu Nanodegree, mas ele utilizou os conceitos que aprendeu para fazer seu case: construir um plano de negócios que incluia SEO, fontes de tráfego e mídia de performance. "Com certeza, o levantamento desse diagnóstico foi imprescindível para a conquista do posto que ocupo hoje", finaliza.

Novas ideias pedagógicas

Para Alfredo Del Fabro Neto, a Udacity tinha se tornado uma grande curiosidade. A quantidade de pessoas que falava positivamente sobre as aulas na plataforma e a experiência online como um todo atraíam sua atenção. O que cativava tanto os alunos?

Naquele momento, ele tinha experiência como professor substituto na Universidade Federal de Santa Maria, onde lecionou sobre redes e computadores, sua área de graduação, e já pensava em seu futuro como professor.

"Como pretendo ser professor no ensino superior mais a frente, fazia sentido tentar aprender como manter os alunos empolgados e participativos, e como ensinar da melhor maneira possível", explica. "E eu lia muito isso nos fóruns, quando ex-alunos [da Udacity] falavam que recebiam feedbacks muito completos e construtivos, que tinham suas dúvidas respondidas de forma rápida e clara, que os projetos eram mais práticos."

Quando a oportunidade da Black Friday surgiu, a diferença no preço fez com que ele finalmente decidisse testar por conta própria. "Foi essencial para mim, pois meu objetivo não era aprender o conteúdo que seria ministrado, visto que já possuia esse conhecimento", conta ele, que selecionou o Nanodegree Introdução à Programação. "Era observar e entender as técnicas de ensino utilizadas pela Udacity."

Por isso, o conteúdo do curso selecionado era propositalmente introdutório, focado em quem nunca escreveu uma linha de programação. Assim, Alfredo teria exposição ao maior didatismo possível – e saiu entusiasmado.

"São conteúdos alinhados, aulas curtas que permitem que o aluno mantenha o foco e o principal: com casos práticos e feedback muito completo. Consegui pegar toda essa forma de dar aula e me desenvolver muito melhor no ensino, sempre buscando cativar e manter o foco do aluno."

Na prática, mudou sua forma de avaliar trabalhos e transmitir seus conhecimentos, algo que pretende levar para sua futura carreira acadêmica, atualmente pausada para que ele tenha experiência prática no setor privado. "É provável que, em cinco ou seis anos, eu volte a dar aula em universidades. Do meu ponto de vista, terei as duas coisas essenciais: experiência prática e didática – e com a didática a Udacity foi essencial."

Um passo além na qualificação

Para Matheus Freire, que optou pelo Nanodegree Desenvolvedor React, a compra durante a Black Friday foi algo estratégico: ele sabia que queria adquirir um curso e estava esperando o momento propício. "Eu já acompanhava os programas Nanodegree e, quando decidi, faltava uma semana para a Black Friday. Então esperei", conta.

Como desenvolvedor mobile e web profissional, ele queria ampliar seu leque de habilidades com algo em alta. "É uma tecnologia que eu estava visualizando em muitas ofertas de vagas. E, para ficar mais atualizado com o mercado, decidir por um curso que envolvia tanto desenvolvimento de aplicativos como desenvolvimento web."

Além do ritmo próprio que um curso online oferece, há outro ponto de destaque interessante: você pode assistir às aulas quantas vezes quiser, basta dar play. "Eu vi e revi as aulas diversas vezes quando havia dúvida", fala Matheus. "Aproveitei para exercitar o inglês também pois, como é muito didático, dava para assistir as aulas sem auxílio de legenda [em português]."

Entre os maiores aprendizados, ele destaca o aprofundamento em JavaScript e a criação, do zero, de um app com React para ambos Android e iOS. "Tive a sensação de criar aplicativos móveis tão fáceis de criar quanto aqueles de Android com que eu estava acostumado. Foi um aprendizado incrível."

Além disso, em março, conseguiu uma nova oportunidade profissional. Hoje em dia é desenvolvedor da empresa Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob), onde aplica seus conhecimentos de React com frequência.

No processo seletivo, explica, o curso fez a diferença. "Contou muitos pontos ter o certificado de uma entidade como a Udacity. Todos gostaram que eu tenha ido atrás de uma qualificação além da tradicional."

Saiba mais:

Sobre o autor
Udacity Brasil

A Udacity, conhecida como a "Universidade do Vale do Silício", é uma plataforma online e global que conecta educação e mercado para ensinar as habilidades do futuro – de data science e marketing digital à inteligência artificial e desenvolvimento. Hoje, há mais de 7 mil alunos ativos no país e 50 mil pelo mundo.